Quinta-feira, 24 de Março de 2005



Paira no ar
Algo que desconheço
Ao mesmo tempo
Não me é indiferente
É como se uma empestade
Estivesse prestes a rebentar
Dentro do meu peito,
Este sintoma é-me familiar
Basta-me isolar e não me apetecer falar
Para saber que se passa
Algo no ar.
Sinto a atmosfera pesada
Um peso no peito
Parecendo toneladas,
Pulsações aceleradas
Daí o não poder respirar
Talvez seja um vendaval
Daqueles de arrasar
Pobre de quem se interponha
Pois não vai gostar
Mesmo que faça ondas
Não se vai livrar
Será que é isto que pressinto?
Será que quero descarregar?
A opressão que sinto
Para o peito aliviar.


Natália/96


páscoa.gif



publicado por najasmin às 16:39

De TudoPorUmFilho a 24 de Março de 2005 às 23:12
OLAAAAAAAA...Desejos de uma Feliz Páscoa também para si...como para todos aqueles que gosta...
Muitos beijinhos

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
pesquisar
 
Março 2005
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

14
15
16
18

20
22
26

27
28
29


Últ. comentários
beijing tour (http://www.beijingtourtravel.com)[ur...
thanks for letttin me know how to do dis i apprec...
NajasminAmei seu blog!Está em favoritos e até ata...
Beleza! Descobri hoje essa maravilha. Beleza mess...
amizade
Amei seus poemas...è vc mesmo quem os faz?...Para...
Olá...eu tava passeando e acabei passando aqui do...
adorei o seu blog e tbm as mensagens!
parabéns por suas tão belas poesias.......
Faz um ano que não há novidades por aqui.está na ...
subscrever feeds

SAPO Blogs


Universidade de Aveiro